Como ganhar dinheiro com e-mails

Conheça estratégias eficazes para e-mail marketing

Ganhar dinheiro com e-mail
O e-mail é uma das ferramentas mais poderosas de marketing digital, capaz de gerar tráfego, leads, vendas e fidelização de clientes. Mas como aproveitar todo o potencial dos e-mails para ganhar dinheiro na internet? Vamos mostrar algumas estratégias eficazes que você pode aplicar no seu negócio online.

O que é e-mail marketing?

E-mail marketing é o uso do e-mail como canal de comunicação e relacionamento com o público, com o objetivo de promover produtos, serviços, conteúdos ou qualquer outra ação que gere valor para a sua audiência. O e-mail marketing pode ser usado para diversos fins, como:

  • Atrair visitantes para o seu site ou blog
  • Capturar leads (potenciais clientes) interessados no seu nicho
  • Nutrir leads com conteúdos relevantes e educativos
  • Converter leads em clientes
  • Aumentar as vendas de produtos ou serviços
  • Fidelizar clientes e estimular a recompra
  • Criar uma comunidade engajada em torno da sua marca

Quais são as vantagens do e-mail marketing?

Essa modalidade oferece diversas vantagens para quem quer ganhar dinheiro com e-mails na internet, tais como:

Baixo custo: você pode enviar milhares de e-mails com um investimento muito baixo, usando ferramentas gratuitas ou pagas que facilitam a criação, o envio e a análise das suas campanhas.

Alto retorno: o e-mail marketing tem um dos maiores retornos sobre o investimento (ROI) entre as estratégias de marketing digital, podendo chegar a 4.200%, segundo a DMA. Isso significa que para cada R$ 1 investido em e-mail marketing, você pode ganhar até R$ 42.

Personalização: você pode segmentar a sua lista de contatos de acordo com diversos critérios, como perfil, comportamento, preferências, histórico de compras, etc. Assim, você pode enviar mensagens personalizadas e relevantes para cada pessoa, aumentando as chances de conversão.

Automação: você pode automatizar o envio de e-mails baseado em gatilhos ou eventos específicos, como o cadastro na sua lista, a abertura de um e-mail, o clique em um link, a compra de um produto, etc. Dessa forma, você pode criar fluxos de nutrição que conduzem o lead pelo funil de vendas até a compra.

Mensurabilidade: você pode acompanhar os resultados das suas campanhas de e-mail marketing em tempo real, usando indicadores como taxa de abertura, taxa de cliques, taxa de conversão, taxa de rejeição, etc. Assim, você pode avaliar o desempenho das suas ações e fazer ajustes para melhorar os seus resultados.

Como ganhar dinheiro com e-mail marketing?

Você precisa seguir alguns passos básicos que te ajudarão a ganhar dinheiro com e-mails:

Definir o seu objetivo:

O que você quer alcançar com o seu e-mail marketing? Pode ser gerar tráfego para o seu site ou blog, capturar leads para a sua lista, vender produtos ou serviços, etc. O seu objetivo vai orientar as suas decisões sobre o conteúdo, o formato, o público e a frequência dos seus e-mails.

Construir a sua lista:

Você precisa ter uma lista de contatos qualificados para enviar os seus e-mails. Para isso, você pode usar diversas estratégias para atrair leads para a sua lista, como oferecer um conteúdo gratuito (e-book, vídeo-aula, webinar, etc.) em troca do e-mail do visitante, usar formulários ou pop-ups no seu site ou blog, criar landing pages específicas para capturar leads, etc. Lembre-se de pedir sempre a permissão do usuário para enviar os seus e-mails (opt-in) e respeitar as normas da LGPD.

Criar os seus e-mails:

Você precisa criar os seus e-mails de acordo com o seu objetivo e o seu público. Para isso, você deve seguir algumas boas práticas de copywriting (escrita persuasiva), como:

  • Escrever um assunto chamativo e curto, que desperte a curiosidade e o interesse do leitor,
  • Usar um remetente confiável e humano, que mostre a sua identidade e a sua credibilidade,
  • Usar uma linguagem clara, simples e direta, que se comunique com o seu público de forma natural e empática,
  • Usar um design limpo, atraente e responsivo, que facilite a leitura e a navegação do e-mail em qualquer dispositivo,
  • Usar imagens, vídeos, gifs ou outros elementos visuais que complementem e enriqueçam o seu conteúdo,
  • Usar uma estrutura lógica, que apresente o problema, a solução, os benefícios e a chamada para ação (CTA),
  • Usar uma CTA clara, forte e urgente, que incentive o leitor a tomar a ação desejada (clicar em um link, comprar um produto, se inscrever em um curso, etc.),
  • Usar provas sociais, como depoimentos, avaliações, cases de sucesso ou números que comprovem a sua autoridade e a qualidade do seu produto ou serviço.
Enviar os seus e-mails:

Você precisa enviar os seus e-mails no momento certo e na frequência certa para o seu público. Para isso, você deve considerar alguns fatores, como:

  • O horário de envio:

Você deve testar diferentes horários para descobrir qual é o melhor para o seu público, levando em conta o seu comportamento, o seu fuso horário, o seu nicho, etc.

  • A frequência de envio:

Envie os seus e-mails com uma frequência que mantenha o interesse e o engajamento do seu público, sem ser invasivo ou irritante. Você pode usar diferentes tipos de e-mails para variar o seu conteúdo, como newsletters, ofertas, lançamentos, dicas, etc.

  • A segmentação de envio:

Mande os seus e-mails para os segmentos certos da sua lista, de acordo com os critérios que você definiu. Assim, você pode aumentar a relevância e a personalização dos seus e-mails para cada pessoa.

  • Analisar os seus resultados:

Analise os resultados das suas campanhas de e-mail marketing para medir o seu sucesso e identificar as suas oportunidades de melhoria. Para isso, você deve usar as ferramentas de análise disponíveis na sua plataforma de e-mail marketing ou em outros serviços externos. Você deve acompanhar os principais indicadores de desempenho do seu e-mail marketing, como:

  • Taxa de abertura:

É a porcentagem de pessoas que abriram o seu e-mail em relação ao total de pessoas que receberam o seu e-mail. Uma taxa de abertura alta indica que o seu assunto foi eficaz para atrair a atenção do leitor.

  • Taxa de cliques:

É a porcentagem de pessoas que clicaram em algum link do seu e-mail em relação ao total de pessoas que abriram o seu e-mail. Uma taxa de cliques alta indica que o seu conteúdo foi relevante e persuasivo para gerar interesse no leitor.

  • Taxa de conversão:

É a porcentagem de pessoas que realizaram a ação desejada pelo seu e-mail (compra, cadastro, inscrição, etc.) em relação ao total de pessoas que clicaram em algum link do seu e-mail. Uma taxa de conversão alta indica que o seu produto ou serviço foi atrativo e convincente para gerar valor para o leitor.

  • Taxa de rejeição:

É a porcentagem de pessoas que marcaram o seu e-mail como spam ou cancelaram a assinatura da sua lista em relação ao total de pessoas que receberam o seu e-mail. Uma taxa de rejeição alta indica que o seu conteúdo foi inadequado ou indesejado para o leitor.

Com base nesses indicadores, você pode fazer testes A/B para comparar diferentes versões do seu e-mail (assunto, remetente, conteúdo, design, CTA, etc.) e ver qual delas tem melhor desempenho. Assim, você pode otimizar as suas campanhas de e-mail marketing e aumentar os seus resultados.

A frequência de envio dos e-mais

A melhor frequência de envio para ganhar dinheiro com e-mails depende de vários fatores, como o seu objetivo, o seu público, o seu conteúdo e o seu nicho. Não há uma resposta única que sirva para todos os casos, mas há algumas recomendações baseadas em pesquisas e boas práticas.

Segundo alguns estudos, o melhor dia para enviar um e-mail é no meio da semana, especialmente às terças, quartas ou quintas-feiras. O melhor horário pode variar de acordo com o comportamento do seu público, mas geralmente as faixas entre 10h e 12h ou entre 14h e 16h são as mais indicadas. A frequência ideal de envio de e-mails também depende do tipo de e-mail que você está enviando. Por exemplo, se você quer informar os eventos da semana, a frequência é semanal. Se você quer manter um relacionamento ou promover algo atemporal, a frequência pode ser menor.

O recomendado é ter cautela e não enviar muitos e-mails por semana, pois o excesso pode diminuir o engajamento e parecer muito invasivo. Pense em uma frequência que possa nutrir os leads sem que haja exageros. Utilize no mínimo 2 ou 3 dias de intervalo no envio de cada e-mail4. Uma pesquisa realizada pela Benchmark Email mostrou que a maioria dos profissionais de marketing envia e-mails semanalmente (33%) ou várias vezes por mês (26,67%). No entanto, a melhor forma de descobrir a frequência ideal para o seu caso é testar diferentes opções e analisar os resultados. Você pode usar ferramentas de análise de e-mail marketing para acompanhar as taxas de abertura, cliques, conversão e rejeição das suas campanhas. Assim, você pode ajustar a sua frequência de acordo com o feedback do seu público. Isso te ajudará significativamente a ganhar dinheiro com e-mails.

A melhor ferramenta de análise de e-mails

A melhor ferramenta de análise de e-mail marketing depende das suas necessidades e objetivos. Existem diversas opções no mercado, cada uma com suas vantagens e desvantagens. Algumas das ferramentas mais populares e recomendadas são:

RD Station Marketing:

É uma plataforma completa de automação de marketing, que permite criar, enviar e analisar campanhas de e-mail marketing, além de outras estratégias digitais. Com o RD Station Marketing, você pode segmentar sua lista de contatos, personalizar seus e-mails, testar diferentes versões, acompanhar o desempenho das suas ações e integrar com outras ferramentas.

Google Analytics:

É uma ferramenta gratuita e poderosa de análise de dados, que permite medir o tráfego, o comportamento e a conversão dos seus visitantes. Com o Google Analytics, você pode rastrear as origens dos seus leads, incluindo os e-mails que você enviou, e avaliar o retorno sobre o investimento (ROI) das suas campanhas de e-mail marketing.

Sender Score: 

É uma ferramenta gratuita que avalia a reputação do seu domínio ou IP como remetente de e-mails. Com o Sender Score, você pode verificar se os seus e-mails estão sendo entregues corretamente ou se estão sendo bloqueados ou marcados como spam pelos provedores. O Sender Score varia de 0 a 100, sendo que quanto maior o número, melhor a sua reputação.

Mail-tester:

É uma ferramenta gratuita que testa a qualidade dos seus e-mails antes de enviá-los. Com o Mail-tester, você pode verificar se os seus e-mails têm problemas de formatação, conteúdo, design ou spam. O Mail-tester atribui uma nota de 0 a 10 para os seus e-mails, sendo que quanto maior a nota, melhor a qualidade.

MX Toolbox:

É uma ferramenta gratuita que verifica a saúde do seu servidor de e-mail. Com o MX Toolbox, você pode diagnosticar possíveis problemas de configuração, segurança ou entrega dos seus e-mails. O MX Toolbox oferece vários testes, como blacklist, SPF, DKIM, DMARC, SMTP, entre outros.

Google Postmaster:

É uma ferramenta gratuita que fornece informações sobre o desempenho dos seus e-mails no Gmail. Com o Google Postmaster, você pode monitorar as taxas de spam, reclamações, rejeições, entregas, aberturas e cliques dos seus e-mails enviados para os usuários do Gmail. O Google Postmaster também mostra a sua reputação como remetente no Gmail.

Google Sheets:

É uma ferramenta gratuita que permite criar planilhas online para organizar e analisar os seus dados. Com o Google Sheets, você pode importar os dados das suas campanhas de e-mail marketing de outras fontes, como o RD Station Marketing ou o Google Analytics, e criar gráficos, tabelas, fórmulas e relatórios personalizados.

Essas são algumas das melhores ferramentas de análise que você pode usar para otimizar as suas estratégias, aumentar os seus resultados e, consequentemente, ganhar dinheiro com e-mails.

Veja: Como ganhar dinheiro com Redes Sociais

Conclusão

O e-mail marketing é uma das melhores formas de ganhar dinheiro na internet, pois permite criar um relacionamento duradouro com o seu público e oferecer soluções que atendam às suas necessidades. Para ter sucesso com o e-mail marketing, você precisa definer o seu objetivo, construir a sua lista, criar os seus e-mails, enviar os seus e-mails e analisar os seus resultados. Seguindo essas dicas, você pode criar campanhas de e-mail marketing eficazes e rentáveis para o seu negócio online. Espero que este artigo tenha sido útil para você e o ajude a ganhar muito dinheiro com e-mails. Obrigado por ler até aqui. Deixe seu comentário abaixo!

Leia também: Como ganhar dinheiro com Marketing Digital

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

2 × 3 =

Scroll to Top